terça-feira, 17 de novembro de 2009

Peso


Consegui finalmente voltar a medir os meus perímetros.

Por comparação a Agosto, tenho agora -6 cm no peito, -10 cm na cintura, e -7 cm na perna. Talvez estes valores sejam até mais relevantes do que os 12 kg perdidos.

Neste capitulo (da perca de peso) parece-me que estou a começar a entrar numa fase de estagnação. Nitidamente vai-se tornado mais difícil. Em Agosto perdi 5 kg, Setembro 4 kg e Outubro 3kg. Nas últimas duas semanas tem oscilado entre os 95 e 96.

Se a balança está equilibrada há que mexer nos pratos. Ou menos comida; ou mais exercício.

Não me parece que consiga aumentar significativamente o número de horas de treino semanais. Consigo contudo aumentar a sua intensidade. No meu caso especifico o mais prático seria iniciar a corrida. Para fazer marcha com mais velocidade é preciso bastante técnica. Estava a aguardar pela marca dos 92 kg, mas talvez antecipe.

Do lado da comida... o outono não é, para mim, das épocas mais fáceis. Os meus genes devem estar a antecipar um inverno de fome que nunca acontece. A verdade é que tenho nesta época tenho um apetite bastante saudável. Não vou alterar grande coisa em termos de quantidade, mas vou reforçar o cuidado que já vinha tendo na qualidade. Nomeadamente: reduzir ao mínimo os açucares; e manter-me bem hidratado.

Sem comentários:

Enviar um comentário